Direito de amamentar em público

30/03/2015 11h38m. Atualizado em 09/04/2015 23h15m por:

 

amamentar em públicoAté o Papa Francisco veio em defesa do direito das mães de amamentarem seus filhos em lugares públicos, vejamos abaixo a polêmica em volta do assunto.

O leite materno é o alimento mais saudável para o bebê nos primeiros meses de vida, e o mais indicado, sendo que um bebê não necessita de outras fontes de alimentação senão o leite materno até completar os seis meses, de acordo com a Organização Mundial da Saúde – ONU e o Ministério da Saúde do Brasil.

O Leite materno é rico em nutrientes fundamentais para o desenvolvimento da criança, é rico em anticorpos e agentes benéficos a saúde do bebê, reforçam seu sistema imunológico logo na infância. Além disso, o leite materno também é composto por água, e com isso o bebê fica hidratado ao mesmo tempo em que se alimenta.

Desta forma, a amamentação é, além de um gesto de amor e carinho passado de mãe para filha, é a melhor maneira para ajudar o bebê a se desenvolver com saúde e boa qualidade de vida.

Amamentação em público

Mas embora seja um ato de amor e carinho com o bebê, a amamentação em público tem virado tema de muita polêmica já há alguns anos, e vem sendo discutida desde 2011, quando, e desde então, surgiram muitas reclamações de mães que foram impedidas de amamentar seus bebês em locais públicos, não só no Brasil, mas em todo mundo.

Estas proibições vêm sempre recheadas de justificativas de funcionários destes locais, afirmando que a amamentação irá causar constrangimento em outras pessoas ao redor, sendo que o que tem ocorrido é o contrário, a própria mãe acaba sendo envergonhada e constrangida pelas repreensões, por realizar um gesto tão nobre quanto à própria maternidade.

Protestos para garantir amamentação em público

Com isso, muitos protestos já foram realizados ao longo dos anos, e incluíram “mamaços” coletivos, aonde as mães vão a estes estabelecimentos e dão de mamar aos seus bebês ali, no mesmo momento, como sinal de protesto as repreensões.

Pela internet também ocorreram muitas manifestações, que repercutiram em portais e até nas redes sociais, como o Facebook, em apoio ao ato de amamentar em público, que é acima de tudo direito e dever da mãe para com seu filho.

Até o Papa Francisco deu seu apoio as mamães para amamentarem seus filhos em público, afirmando em declarações que as mamães não devem sentir vergonha de amamentarem seus filhos em público.

São Paulo lança projeto de lei que permite a amamentação em público

E um grande passo em direção ao caminho certo está sendo realizado na cidade de São Paulo, onde um projeto de lei já está prestes a ser sancionado pelo prefeito Fernando Haddad, garantindo que todas as mães tenham direito de amamentarem seus filhos em publico, seja qual lugar for.

Assim que a lei entrar em vigor, quem desrespeitar este direito vai ter que pagar uma multa de R$ 500,00. Desta maneira, as mulheres dentro da cidade de São Paulo terão o direito de amamentarem seus bebês em público sem o constrangimento sofrido até então.

E talvez muito em breve não seja preciso elaborar uma lei que permita a amamentação em público, já que este é um gesto de amor e carinho, e acima de tudo extremamente importante para saúde do bebê, e também da sua mamãe, que se sente muito mais feliz e realizada quando dá de mamar ao seu bebê.

Sobre o autor:

Vandeni Navarro

Vandeni Navarro

Formada em pedagogia pela UNITAU, especializou-se na área de crianças especiais. Mãe de dois filhos, atualmente dedica-se ao blog e a família.
Deixe seu comentário

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *