Indução do Parto

admin November 9, 2008 0

Indução de Parto

Indução de Parto – Para que o bebê nasça, é necessário que todo o corpo esteja pronto. E existem diversas maneiras de colaborar com seu organismo e deixá-lo todo em ordem para o parto.

Caminhada e outros exercícios que causam um leve aumento nas contrações uterinas são outros métodos. Remédios, mesmo os naturais, não são recomendáveis, já que a ciência ainda não tem muita certeza sobre a fitoterapia.

A indução de Parto,também pode acontecer de maneira artificial, em clínica. Ela não é recomendada, para mulheres que já tenham passado por cesarianas. Além disso, o processo é mais longo, e provávelmente você terá de passar de um a dois dias a mais na maternidade.

Uma das maneiras de acelerar o processo, e a menos envasiva, é quando o obstetra realiza um exame vaginal de rotina, em que coloca o dedo entre o colo do útero e a bolsa de água. Isso faz que haja dilatação do colo e liberação de substâncias naturais que mudam no seu amadurecimento.

O médico também, pode fazer uso de outros métodos, como indução de prostaglandinas ou com cateter de Foley. Mas essa decisão só deve ser tomada depois de uma longa conversa com o obstetra, que indicará o que é melhor para você.

A indução clínica do parto, deve ser feita em alguns casos específicos nos quais a mulher apresenta baixo nível amniótico, pré-eclâmpsia. pouco crescimento do bebê ou em uma gravidez prolongada, com mais de 41 ou 42 semanas.

Pré-Parto

Pode durar horas ou dias, variando de mulher para mulher. As contrações vão aumentando gradualmente, ficando mais fortes e com menos intervalos de uma para outra.

O útero, que até então estava fechado, rígido e grosso, torna-se mole, fino e flexível. É nesse momento que você irá sentir o desprendimento do tampão mucoso.

Se a gravidez tiver ocorrido numa boa, o mais confortável é ficar em casa durante o pré-parto. Em todo caso, vale avisar o obstetra imediatamente, para que ele também se prepare.

A ida à maternidade deve ser imediata quando começar a sentir contrações regulares muito fortes, com intervalos de 2 a 4 minutos, se houver sangramento vaginal forte, sentir um jato de líquido saindo pela vagina, ou se o bebê não estiver se mexendo.

Em caso de gravidez de risco, posição errada do bebê ou de já ter feito alguma cesariana, o ideal é ir para o hospital assim que começarem as contrações regulares.

Relacionados »

Comentar »

Comente via Facebook!